Buscar
  • Vinicius Fonseca

Confira os 10 tênis mais revendidos no último trimestre no Brasil



Se alguém achou que o COVID-19 ia desacelerar o ritmo de lançamento das marcas, se enganou. Nos últimos meses fomos literalmente bombardeados por novos lançamentos a cada semana, estamos falando de Dunk, Air Jordan, Yeezy e ASICS.


Pensando em analisar o mercado secundário e entender melhor como a revenda tem se comportado, falamos com o pessoal da ACE1 sobre os tênis mais vendidos no último trimestre pela plataforma.


Como era de se esperar, a Nike/Jordan dominam o gráfico, seguido logo pelo adidas Yeezy Boost 350 V2, que também tem sua grande fama com o público.



Vendo que um Air Jordan 1 Mid ficou em primeiro lugar, conseguimos concretizar a ideia de que a silhueta se encaixa como um "Modelo de Entrada", sendo a primeira opção de muitas pessoas que estão começando a colecionar ou entender mais sobre a cultura sneaker nos últimos meses.


Apesar dos Nike Dunk Low tanto da linha SB quanto da linha Sportswear terem feito bastante sucesso durante o lançamento, poucas versões aparecem no gráfico, o motivo disso pode ser o alto valor praticado na revenda, deixando algumas pessoas receosas em desembolsar um grande valor para um único par. Modelos mais simples como o Muslin e o Blue Fury, já possuem uma porcentagem de venda maior, visto que o preço praticado é bem mais em conta.



Logo depois temos o Air Jordan 1 High, dando sequência ao favoritismo que a silhueta tem entre os iniciantes nessa cultura, as cores que não foram usadas por Michael Jordan costumam ter um preço mais baixo no mercado secundário, deixando-as mais atrativas para quem quer ter uma nova colorway do AJ 1.


Outro favorito da lista é o adidas Yeezy Boost 350 V2, a silhueta que conta com diversas colorways continua sendo uma das favoritas entre o público que começa a se interessar por tênis, e apesar do seu preço ser um pouco mais salgado do que o Air Jordan 1 Mid, muitas pessoas ainda optam pelo tênis do Kanye West, seja pelo conforto ou pelo design.



Como falamos no início, é bem claro o crescimento nas vendas de tênis considerados de "entrada", que permitem novas pessoas entenderem aos poucos como funciona a "cultura sneaker". Modelos mais caros continuam sendo revendidos, mas nem sempre para o consumidor final, muitos compram de um revendedor, para revender o produto novamente, muitas vezes para fora do Brasil, o que deixa o produto ainda mais limitado por aqui.


E você, sentiu falta de algum tênis nessa lista? Adquiriu algum que apareceu por aqui? Fiquem ligados que em breve teremos mais análises com o pessoal da ACE1.

Abaixo você confere a lista de preço médio dos tênis revendidos e um gráfico explicativo sobre o cenário do trimestre.


1. Air Jordan 1 Mid "Chicago Black Toe" R$949


2. Air Jordan 1 Retro High OG "Royal Toe" R$1624


3. Dunk Low SB "Muslin" R$910


4. Air Jordan 1 Retro High OG "Court Purple 2.0" R$1574


5. Yeezy Boost 350 V2 "Zyon" R$1627


6. Dunk Low SB "Blue Fury" R$1216


7. Yeezy Boost 350 V2 "Earth" R$1334


8. Air Jordan 1 Retro High OG "Pine Green 2.0" R$1055


9. Yeezy Boost 350 V2 "Cream White / Triple White" R$1255


10. Air Jordan 1 Mid "Noble Red" R$879


                © Sneaker Cult 2020