© Sneaker Cult 2019

Home Of Classics - A herança das silhuetas da adidas Originals

November 18, 2019

Escrito por:

 

  Como falamos aqui no Sneaker Cult algumas semanas atrás, a adidas lançou uma coleção intitulada "Home Of Classics", com o objetivo de reunir algumas das silhuetas mais icônicas, resgatadas e reconstruídas dos arquivos das três listras.

 

  Home of Classics é a prova de que o design atemporal pode ser feito de experiências e que ícones de verdade somente são construídos com a autenticidade de quem tem sete décadas de experiências para contar - no esporte, na cultura e na moda.

 

  O principal dessa coleção é lembrarmos da construção simples que começou lá trás nos anos 60-70, couro, borracha e claro, três listras. Apesar da coleção abranger diversas silhuetas e edições, decidimos resgatar o principal de cada uma, e analisar o que tornou essa silhueta parte de um "Home Of Classics", o que ela fez para chegar aonde está.

 

adidas Stan Smith

 

  O Stan Smith foi praticamente o pioneiro da era dos clássicos, se tornando o tênis mais vendido na história da marca ao longo dos anos. Para quem não sabe, o tênis ganhou esse nome em homenagem ao tenista, Stan Smith, campeão do US Open em 1971 e campeão de Wimbledon em 1972. O tênis teve a capacidade de transcender por diversas gerações graças à sua simplicidade: cabedal em couro, três listras perfurada na lateral, pequenos detalhes em verde no calcanhar e claro, a estampa do tenista na língua.

 

  O tênis é tão icônico que as pessoas acham que Stan Smith é simplesmente um tênis e não um tenista que tornou tudo isso possível (inclusive existe um livro com o título "Algumas pessoas acham que eu sou um tênis", de Stan Smith, explicando a história por trás dele e do tênis). Então se você queria saber quem é o exemplo perfeito para explicar a coleção "Home Of Classics", com certeza é o Stan Smith.

 

 

 

adidas Superstar

 

  Apesar de pensarmos no Run DMC assim que falamos em Superstar, o icônico tênis com toebox em formato de concha teve um importante papel na cultura bem antes. Assim como o Stan Smith revolucionou o tennis (esporte), o adidas Superstar revolucionou o basquete nos anos 70, com um tênis de cano baixo e cabedal de couro, contra todas as opções de cano alto que literalmente todas as marcas apostavam e eram o modelo dominante na época.

 

  Avançando um pouco para os anos 80, o movimento do hip-hop explode e os dançarinos de rua optam pelo Superstar para ser a peça central do movimento. É nessa época que entra a customização do seu próprio estilo, com pessoas usando o Superstar sem cadarço, ou com cadarços mais grossos e de diferentes cores, mas sempre mantendo o tradicional cabedal de couro com três listras na lateral.

 

 

 

adidas Continental 80

 

  Desenhado originalmente na França, o adidas Continental definiu os tênis para lazer/treino da década de 80. E apesar de seu cabedal em couro macio, forro interno em tecido frisado, camadas em nylon e perfeitas perfurações, o tênis sumiu misteriosamente do catálogo da adidas durante 30 anos.

 

  Sucedido por outro hit da marca nos anos 80, o adidas Powerphase surgiu como o tênis aeróbico perfeito de 1986 da marca das três listras. Mais de 30 anos depois, a linha Yeezy de Kanye West impulsiona o estilo minimalista do Powerphase o que faz com o que a marca conseguisse trazer o adidas Continental de volta ao mercado com sucesso absoluto, principalmente na linha "Home Of Classics".

 

 

 

adidas Supercourt

 

  Sendo o mais jovem da família "Home Of Classics", o Supercourt tem acabamento premium com detalhes vintage, deixando ele perfeito para se encaixar na ala de clássicos da adidas. A construção do adidas Supercourt faz jus à alguns clássicos que comentamos por aqui, por exemplo: forro interno acolchoado, perfurações pelo cabedal e o logo trefoil no calcanhar, representam o Stan Smith, enquanto a língua tem detalhes inspirados no Continental 80.

 

  Mostrando que a combinação minimalista de cada um transformou esse sneaker em um clássico instantâneo ao mesmo tempo que mantêm um visual moderno.

 

 

  Como dissemos anteriormente, a coleção "Home Of Classics" chegou para homenagear a construção minimalista dos tênis dos anos 70-80 e provar mais uma vez que ninguém consegue bater um clássico tênis de couro branco, três listras e furos laterais. A linha da adidas Originals mostrou que não importa quanto tempo passe, um Superstar sempre será um Superstar e que um Stan Smith vai continuar sendo um Stan Smith, e que com certeza o tênis chamará mais atenção do que o próprio tenista.

 

  Mas isso é o que tênis icônicos causam no mundo, isso é o que os tênis "Home Of Classics" são capazes de fazer.

 

  E se você quer conhecer de perto a coleção em um espaço interativo, não deixe de conferir a ativação da marca em São Paulo clicando aqui. 

 

Please reload

Posts em Destaque!

Veja o que as pessoas usaram durante o Festival CE...

December 5, 2019

1/4
Please reload

Acompanhe pelas Redes Sociais
  • Facebook Long Shadow
  • Instagram_App_Large_May2016_200
  • Twitter Long Shadow
Posts Recentes
Please reload