Buscar
  • Vinicius Fonseca

Relembre os lançamentos e as polêmicas que a linha adidas Yeezy já causou no Brasil


O ano é 2015, você está aflito atualizando o seu celular a todo momento esperando uma mínima informação sobre o tão aguardado lançamento do tênis da adidas com o Kanye West no Brasil. A informação foi liberada, você está viajando (o dia de lançamento era um Domingo), volta com um pouco de pressa, chega lá faltando 3 horas para o lançamento, e sim, ainda consegue sua senha.

Pode parecer estranho pensarmos que poucas horas antes de um dos maiores lançamentos do ano, ainda existia "espaço na fila" não é mesmo? Mas era isso que acontecia antes aqui no Brasil, como no velho (novo) ditado: Isso aqui era tudo mato!

Com o grande aumento de modelos e edições de Yeezy sendo lançados todo mês, a promessa de Kanye West realmente se concretizou, "Quem quer um Yeezy, terá um Yeezy". Com lançamentos cada vez mais abrangentes e novas cores sendo anunciadas toda semana, conseguir um "Yeezy" ficou de fato, muito mais fácil.

A quantidade de pares lançados foi tanta (e continua sendo) que resolvemos relembrar um pouco da história dos adidas Yeezy aqui no Brasil, desde o lançamento do 350 Turtle Dove até os dias atuais, contando algumas curiosidades, mudanças e claro, polêmicas. Então preparem a pipoca e nos acompanhem nesse túnel do tempo da linha adidas Yeezy no Brasil!

adidas Yeezy Boost 350 "Turtle Dove"

Apesar do 750 ter sido o primeiro Yeezy lançado pela marca das três listras (com o próprio Kanye West entregando o par para os fãs em algumas lojas), o Brasil só foi receber seu primeiro lançamento em 12 de Julho de 2015, com o 350 "Turtle Dove".

O tênis foi lançado na adidas da Oscar Freire em um sistema de "Fila + Sorteio", seu preço? R$899. A fila era limitada a 100 pessoas, e próximo ao horário de venda programado pela marca, cada um recebeu uma senha, aonde os 30 pares foram sorteados entre aqueles que escolheram o mesmo tamanho. Fato interessante aqui, é que a fila só completou 100 pessoas por volta das 6 horas da manhã, sendo que o lançamento estava programado para às 8-9 horas, algo impossível de se imaginar nos dias de hoje, não é mesmo?

adidas Yeezy Boost 350 "Pirate Black"

Depois do primeiro lançamento bem limitado, chegou a vez de recebermos uma quantidade um pouco maior no dia 22 de Agosto de 2015, no mesmo esquema de lançamento do "Turtle Dove".

Dessa vez o Brasil recebeu 88 pares, sendo que 52 pares foram sorteados para as 150 pessoas que fizeram fila na adidas Originals da Oscar Freire, enquanto os outros 36 pares finalmente deram às caras no site da marca, dando a chance para aqueles fora de São Paulo conseguirem o seu tão sonhado Yeezy. Apesar do número de pessoas para participar do sorteio ter aumentado, o lançamento foi bem tranquilo, e também demorou para a fila se encerrar. Tivemos até pessoas que conseguirem 3-4 pares por levarem amigos e familiares na fila, o que com certeza deixou alguns bem felizes rsrsrs.

adidas Yeezy Boost 750 "Triple Black"

O próximo lançamento no Brasil foi da versão de cano alto do Yeezy, o 750 "Triple Black", e esse aqui tem uma história no mínimo polêmica.

O adidas Yeezy Boost 750 "Triple Black" estava programado para ser lançado no dia 23 de Janeiro de 2016 na adidas da Oscar Freire em um esquema similar ao 350 "Turtle Dove", a fila deveria ser formada com até 200 pessoas para disputarem um sorteio de 89 pares. Diferente do lançamento anterior, a fila se tornou um completo caos por volta das 16H da sexta-feira, sendo que o lançamento seria só no sábado, tudo porque uma única pessoa contratou por volta de 150-180 pessoas para comprar praticamente todos os pares (inclusive entrevistamos essa pessoa no Sneaker Cult Visita, assista ao vídeo aqui), então por volta das 21H do mesmo dia, a fila já contava com mais de 300 pessoas aglomeradas em plena Oscar Freire, o que fez com que a marca das três listras adiasse o lançamento, algo até então inédito no Brasil.

adidas Yeezy Boost 350 "Pirate Black 2.0"

O adidas Yeezy Boost 350 "Pirate Black" foi o primeiro modelo Yeezy que vimos ser lançado "duas vezes", a segunda versão foi nomeada de "2.0", indicando que era a segunda vez que o "Pirate Black" era lançado ao mercado. No Brasil o tênis chegou no dia 12 de Março de 2016 e teve um lançamento com 92 pares, todos na adidas da Oscar Freire ao preço de R$1099,99 com limite de 300 pessoas na fila, novamente o número aumentou para que mais pessoas pudessem tentar a sorte.

adidas Yeezy Boost 750 "Grey Gum"

Apesar da demanda estar mais alta do que nunca, o sistema de sorteio presencial continuava funcionando, anunciado de forma surpresa, uma fila era formada para distribuição de senha em um dia, enquanto o sorteio acontecia em uma data subsequente na mesma semana, evitando mais tumultos como vimos anteriormente. O 750 "Grey Gum" chegou aqui no dia 11 de Junho de 2016 e tivemos um total de 20 pares na loja da adidas Originals em São Paulo que foram sorteados entre 100 pessoas. No site da marca, 18 pares ficaram disponíveis para todos os colecionadores do Brasil.

adidas Yeezy Boost 350 V2 "Beluga"

Quando tivemos o lançamento do 350 V2 "Beluga", o mercado já estava um pouco mais "maduro" em relação a novas mecânicas de venda, e o público é claro, era maior do que nunca. O que levou o limite de pessoas na fila para 300 na loja da adidas Originals na Oscar Freire em SP, outra novidade desse drop foi o lançamento na loja da adidas Originals no Rio de Janeiro e também no Cartel 011 em São Paulo, deixando o tão sonhado tênis disponível em "grande escala" para aqueles que queriam realmente usar o par (sim, no 350 V2 Beluga era bem "fácil" de garantir o seu)!

adidas Yeezy Boost 750 "Light Brown (Chocolate)"

A última cor do adidas Yeezy Boost 750 também chegou por aqui no dia 15 de Outubro de 2016, mesma data do lançamento mundial. O mesma esquema de senha foi utilizado, com venda tanto em São Paulo quanto no Rio de Janeiro, algo que a adidas fez questão de seguir, com lançamento nos dois maiores polos de sneakerheads no país. Para não deixar o restante de lado, o site da marca também recebeu um lançamento no dia 15, o par chegou pelo preço de R$1399,99.

adidas Yeezy Boost 350 V2 "Black Friday" Pack

Podemos falar que a Black Fridy de 2016 foi uma grande emoção para o mundo sneakerhead, três adidas Yeezy foram lançados no mesmo dia, e não, não tivemos sorteio! O hit da vez era o cabedal preto em três versões que apresentam a pincelada lateral em verde, vermelho ou cobre. Respectivamente, eram os pares YEEZY BOOST 350 V2 Green, YEEZY BOOST 350 V2 Red e YEEZY BOOST 350 V2 Copper. O lançamento aconteceu no dia 23 de Novembro, uma sexta-feira claro, tanto a loja da adidas Originals em São Paulo quanto a loja do Rio de Janeiro receberam as três cores, além é claro, do próprio site marca. No total, 825 pares foram lançados, provavelmente uma das maiores quantidades que tivemos no Brasil até então.

adidas Yeezy Boost 350 V2 "Oreo"

Para fechar o ano de 2016 com chave de ouro, um último adidas Yeezy chegou ao Brasil, a versão "Oreo" que teve como novidade um lançamento bem mais abrangente, em diversas lojas! O tênis chegou ao Brasil no dia 17 de Dezembro nas seguintes lojas: adidas Originals Oscar Freire, em São Paulo, adidas Originals Ipanema, no Rio de Janeiro, no e-commerce da adidas, e as lojas Cartel 011, Guadalupe Store, Maze e Your ID em São Paulo.

Foi a primeira vez que vimos um lançamento de Yeezy espalhado por tantas lojas, foi a primeira vez que vimos o mercado de um tênis muito desejado ganhar um lançamento tão grande.

A linha adidas Yeezy no Brasil de 2017 em diante

De 2017 em diante nós pudemos ver como Kanye West revolucionou o cenário sneaker em todo mundo, desde criar uma nova linha com diversas silhuetas, sendo que 90% delas eram/são mega desejadas pelo público, até finalmente atingirmos o ponto de termos Yeezy para todos, uma promessa que Kanye West nunca esqueceu e realmente cumpriu.

Por aqui, continuamos recebendo os lançamentos até a atual data, tivemos algumas histórias curiosas, é claro, como um cliente que comprou um Yeezy por "retail" seis meses depois do lançamento, o "sumiço" dos Yeezy Boost 700 "Inertia" e por aí vai...

Mas o fato é que praticamente todos os lançamentos da marca, incluindo as versões "Reflective" do 350 V2, que costumam ser as mais desejadas (e limitadas), desembarcaram no Brasil, além é claro, dos vários re-lançamentos de algumas versões que foram lançadas anos atrás.

Mas no final do dia, nós podemos concluir que a parceria entre adidas e Kanye West levou a marca das três listras para um novo patamar, a linha Yeezy chegou ao ponto de ser chamada o "Air Jordan" da nova década, e concordemos ou não, não podemos negar que a popularidade dos tênis de KW nunca foi tão alta, atingindo completamente o público mainstream. Seu amigo da escola pode não entender nada de Nike Sporstwear ou dos tênis dos anos 90 da adidas, mas com certeza ele sabe um pouco sobre o tal de "Yeezy".

E você, o que achou desse crescimento da marca? O que devemos esperar para os próximos anos da linha Yeezy? Será que ela irá se renovar a cada ano, ou teremos uma saturação no meio do caminho?

Bom, acho que isso só o tempo poderá dizer, mas enquanto não chegamos lá, continue acompanhando todas as informações de lançamento dos adidas Yeezy aqui no Sneaker Cult!

#adidasbrasil #adidasyeezy #históriayeezy #yeezybrasil #históriaadidasyeezy #coleçãoyeezybrasil #coleçãoyeezy #todoslançamentosyeezy #compraryeezy #lojasyeezybrasil

                © Sneaker Cult 2020