Buscar
  • Vinicius Fonseca

Meu Grail: Air Jordan VIII "Doernbecher"


Continuando com a nossa sessão favorita da semana, nós temos a história do colecionador Eric Gimenez, que vai contar um pouco o que o seu Grail representa para sua família!

Pra contar a história do meu Grail, tenho que voltar em 2010, quando minha mãe teve uma doença rara chamada Síndrome de Guillain Barré onde paralisou todo seu corpo e assim ficou por quase 6 meses. Foi um tempo difícil que já foi superado.

Voltando ao Grail, sempre fui fã da collab com a Doernbecher, muito pela história de superação das crianças que desenvolvem o tênis. Em 2014, vendo as fotos da coleção, vi o Jordan 8 Doernbecher e achei sensacional as cores e tudo que mais, só que a cereja do bolo ainda estava por vir. Caden Lampert, o menino de 10 anos por trás do Jordan 8 teve a mesma doença que minha mãe. Naquele momento, Air Yeezy Blink, LV Patchwork, Black Cement III ficaram em segundo plano na lista de Grails.

Precisava ter aquele tênis, pois contava um pouco da história da minha família. Já sabia que ele não chegaria por aqui, então o jeito era tentar lá fora. Lançamento chegou e nada de conseguir. Anos se passaram, quando meu amigo (Sidney Dias) foi para Los Angeles com algumas peças minhas da collab Puma x Bape que estavam paradas em casa e que pedi pra ele levar pra vender na Round Two pra mim.

De repente, vendo o instagram da loja, subiu um Jordan 8 Doernbecher no meu size com o mesmo valor das peças que ele levou. Sem pensar duas vezes, chamei no whats e pedi pra ele ver a possibilidade de trazer pra mim. Alguns dias se passaram, até que, no dia 16 de Julho de 2016, peguei o meu Grail na mão. A sensação era inexplicável, como eu estava no evento Sneakera (evento mensal para reunir pessoas que gostam de tênis) quando peguei o tênis na mão, o Jotapê (fotógrafo) já queria que eu colocasse o tênis no pé pra tirar umas fotos. Eu realmente tentei me controlar, aquele misto de emoções, recordar todo o sufoco da minha mãe, foi intenso mas acabei colocando o tênis no pé!

O mais bacana de ter um Grail, na minha opinião, é a questão de ter um valor sentimental pra você, faz aquele amor por tênis ser renovado. Foi isso que aconteceu comigo, há tempos não tinha essa emoção. Muito obrigado galera da Snk Cult por deixar eu contar um pouco da história do meu Grail!

Essa foi mais uma história de conquista de um colecionador de tênis. E se você gostou da história do Eric e quer contar a sua também, entre em contato conosco via e-mail ou mensagem no Facebook!

Fotos por: João Paulo (aKa Jotapê)

#airjordan #airjordan8 #airjordan8doernbecher #airjordanbrasil #meugrail #meugrailsnkcult #airjordandoerbecherbrasil

                © Sneaker Cult 2020